Entrevista sobre suspensão corporal

Curso: Mestrado em Antropologia Social | Universidade: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Qual significado do seu corpo pra você? T. Angel: O meu corpo é um campo de batalha. Como você começou a fazer suspensão corporal? Fale um pouco sobre sua primeira experiência. Você teve medo? Eu comecei a fazer suspensão corporal depois de … Continue lendo

Registro em vídeo do FRRRKday em Brasília…

A melhor parte de trabalhar com o FRRRKguys ao longo desses onze anos, tem sido encontrar gente com tanta garra e força que enche o nosso corpo físico, metafísico e eletrônico de poder de vida. Um sopro! Espia agora o que aprontamos ano passado em Brasília! Dia 12 de Maio de 2017 tem festa em Brasília! … Continue lendo

E Sauntering terminou…

“(…) palavra esplendidamente derivada de “pessoas vadias que erravam pelo país, na Idade Média, e pediam esmola sob o pretexto de irem à “la Sainte Terre”, à Terra Santa, até as crianças exclamarem “Lá vai um Sainte-Terrer”, um “Saunterer”, um da Terra Santa. Os que nunca vão à Terra Santa  nas suas peregrinações, como pretendem, … Continue lendo

Maio terá Partilha do meu cu em Brasília

T. Angel, artista da performance, faz partilha do processo criativo do trabalho Fluído, desenvolvido durante a residência artística da Plataforma Exercícios Compartilhados com orientação de Adriana Grechi. Fluído investiga as relações éticas, místicas e estéticas das figuras monstruosas, amparado no imaginário da ficção científica. É uma instigação. É um problema. Nesse sentido, existe uma busca … Continue lendo

Como Dizer o que Penso e Produzo em Até Mil Caracteres?

Performatus | Portugal Tales Frey: Como Dizer o que Penso e Produzo em Até Mil Caracteres? T. Angel: Minha produção artística propõe, de algum modo, que se repense a autonomia dos corpos, questiona o que pode ou não um corpo e, nesse sentido, se choca com forças muito enraizadas na sociedade que coíbem e rechaçam … Continue lendo