Os fragmentos, os registros ou seja lá o que for…

Publiquei em meu canal no youtube mais um registro – ou fragmentos deste -, agora da performance Empty que fiz em Curitiba. Toda vez que vejo a sequência de giros (por volta dos 8:20) e o apagão, lembro da sensação maravilhosa que foi aquela poética pequena morte ou o encontro mais íntimo com o vazio. … Continue lendo