Amores pra vida toda…

Eu sou um apaixonado pelos amigos que tenho. Sinto que nem sempre – ou quase nunca – faço por eles tudo o que eles merecem. Passo aquém…
Mas aqui no meu infinito particular,  eu os amo. Eu os amo como eles são e do meu jeito.
Gosto de deitar e pensar neles antes de dormir. Quando acordo também.
Gosto de ver as fotos do que passamos juntos ou simplesmente lembrar das experiências, tão nossas, que tivemos.
Faz bem saber que fui amado por seres tão especiais. E quando eu não estiver mais aqui nesse planeta, é deles que vou sentir – demasiada – falta!

Ontem, inesperadamente meu amigo Pedro me escreveu umas linhas no facebook. Cai em lágrimas.
Lembrei na hora da vez em que ele pegou meu caderno de desenho e sem eu saber escreveu um texto lindo sobre a nossa amizade. Isso 10 anos atrás, talvez um pouco mais. A gente não se vê tanto como naquele tempo, mas cara, é uma pessoa que me faz sorrir só de lembrar que ele existe pra mim.
Obrigado por tudo amigo. Eu te amo até o fim Pê.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: