Histórias de Crianças Transgêneras

Recentemente publiquei por aqui alguns vídeos bacanas sobre a questão trans. Fiz uma menção ao “História de crianças transgêneras“, mas acho que foi pouco. Em minhas pesquisas e estudos sobre a questão das travestis e dos trans em geral, ficou muito claro alguns pontos críticos, tais  como o abandono familiar, a prostituição por sobrevivência, o abuso das drogas, o abandono dos estudos pela transfobia, o alto índice de suicídio e por fim a violência física e assassinatos das mais brutais formas que podemos imaginar. Pensando nisso, achei por bem reproduzir ou replicar – exclusiva e novamente – esse material, onde pais e crianças delatam suas experiências e nos mostram a dificuldade absurda que ronda esse processo. Importante também, por nos mostrar pais defendendo suas crias e colocando o amor acima de qualquer coisa. O vídeo aqui compartilhado nos coloca tudo isso não de maneira piegas ou de uma forma que ilustre “veja como foi fácil pra gente“, as vias são outras e bastante honestas eu diria.  É de arrepiar os pelos das línguas.
Obviamente que trabalhar com a questão da infância e com algo tão perturbador como a sexualidade não é tarefa fácil. Existe toda a construção de um imginário coletivo de que as pessoas “viram gay”, “viram travesti” ou “viram transgenêros” em determinado momento de suas vidas. Não concebem a ideia de que essa condição exista nos sujeitos desde sempre, inclusive em suas infâncias. Para muitos – principalmente para os moralistas e conservadores – a ligação entre trans e crianças é quase que um pressuposto criminoso, quando deveriam compreender que isso nada mais que é uma parte das múltiplas possibilidades da natureza humana. Se existe trans adultos, acredite, existe igualmente crianças trans.
Acho que esse material vai de encontro com a fala da historiadora Alice Degrer sobre a questão da anatomia. Um material completa o outro.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: